X

Proteção contra eletricidade estática em módulos eletrônicos

Olá professor, gostaria de saber se uma folha em EVA pode isolar e proteger módulos eletrônicos contra eletricidade estática?

desde já, agradeço.

Respondido por: Prof. Fernando Lang da Silveira - IF-UFRGS

A resposta é negativa!

EVA (acetato de vinila) é um polímero emborrachado que entre outras propriedades possui baixa condutividade elétrica, ou seja, é  isolante elétrico. Isolantes elétricos podem apresentar eletrização por atrito, por contato e por indução como está demonstrado em muitos momentos do vídeo  Demonstrações de Eletrostática.

A forma de se proteger qualquer sistema contra descargas de eletricidade estática está em propiciar que o sistema não armazene excedentes de carga elétrica. O aterramento de módulos eletrônicos é muito importante para a prevenção das descargas.

A estocagem, o transporte de módulos eletrônicos é realizado em “embalagens anti estática” ou “bolsas de Faraday”. Ou seja, coloca-se o módulo em uma embalagem de material condutor elétrico e assim se garante que o interior deste invólucro esteja livre de campo elétrico mesmo quando a sua superfície externa estiver eletrizada (vide Campo elétrico nulo no interior dos condutores). No exemplo da Figura 1 uma placa de rede está embalada em uma bolsa de plástico parcialmente condutor; é a parte condutora da bolsa que confere a necessária proteção contra as descargas

Um equívoco comum está em imaginar que a proteção contra as descargas de eletricidade estática possa ser obtida por isolantes elétricos. Outras postagens que tratam desse tema:

Choque em aparelhos de academia: como resolver?

Eletrostática: evitando descargas inconvenientes em um aspirador de farinha

“Docendo discimus.” (Sêneca)


Acrescente um Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *